g2h

level

sábado, 15 de agosto de 2009

cuidado com os olhos

A saúde dos olhos do idoso
A partir dos 40 anos de idade há maior probabilidade da ocorrência de problemas visuais, o que aumenta muito a partir dos 60 anos. A partir dos 80 anos são bem comuns as alterações degenerativas.

O ideal é que todos façam, regularmente, uma avaliação oftalmológica, o que deve ser intensificado no idoso.

A maior atenção ao idoso é decorrente de comumente apresentar hipertensão arterial e diabetes mellitus, que podem levar a alterações oculares importantes.

A retinopatia diabética pode levar à cegueira, por isso a necessidade da avaliação médica freqüente, tanto para o controle do nível de açúcar no sangue, quanto para avaliação oftalmológica.

O glaucoma (pressão aumentada dentro do olho) é uma outra condição importante, que pode levar à cegueira e que deve ser tratada diariamente com colírio e receber avaliação médica freqüente para a medida da pressão intra-ocular.

No idoso, normalmente aparece a catarata, que é uma condição passível de correção cirúrgica, com restabelecimento da visão, caso seja realizada em tempo adequado.

A degeneração macular pode ocorrer em torno dos 80 anos de idade, representando degeneração da área mais central e mais vital da retina, levando a importante perda visual.

Os erros de refração são comuns, como miopia (dificuldade para enxergar de longe) e hipermetropia (dificuldade para enxergar de perto).

Os óculos devem ser regularmente revisados, principalmente naqueles pacientes que apresentam hipertensão arterial e diabetes mellitus.

Nos diabéticos é fundamental que se mantenha o adequado controle dos níveis glicêmicos, já que a retinopatia diabética, decorrente desse descontrole, pode causar grandes danos visuais irreversíveis ou ainda cegueira.

Deve-se procurar avaliação oftalmológica todo idoso, principalmente aqueles que apresentam hipertensão arterial, diabetes mellitus, histórico de glaucoma na família. Também aqueles que passam a apresentar déficit visual que não tinham ou piora do quadro em acompanhamento.

O controle oftalmológico é essencial para se preservar a saúde visual e se evitar outros problemas, como aqueles oriundos de quedas favorecidas por distúrbios visuais.

Consulte um oftalmologista regularmente. Revise os óculos regularmente. Mantenha sob controle seus níveis de pressão arterial e de glicose no sangue.

Cuide de sua saúde.


Fonte: www.portaldoenvelhecimento.net
*João Batista Alves de Oliveira.
Médico. Especialista pela Sociedade Brasileira de Clínica Médica. Mestrando em Gerontologia PUC-SP

http://www.sitemedico.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens populares

Google+ Followers

Google+ Badge